quinta-feira, março 24, 2005

OS MEUS DISCOS - SIMONE MULHER, GUITARRA


Simone de Oliveira

Após ter-vos apresentado o disco que reúne Amália Rodrigues, Ary dos Santos e Natália Correia, apresento-vos um outro com um triunvirato igualmente fascinante e poético.
Tem Simone de Oliveira na voz, Ary dos Santos na escolha dos poemas e Carlos do Carmo na produção, e conheceu a sua edição em vinyl em 1984 com reedição em CD em 2003.
Simone mulher, guitarra é o seu nome.
Lá a Simone sabemos nós quem é... a mulher... mas guitarra? Porque raio guitarra?!?!
A explicação é simples. Trata-se de um álbum de fados... o único, salvo erro, da carreira de 45 anos de Simone.
Eu, que sou grande admirador de fados e fadistas, arrisco a dizer que é um dos melhores álbuns que já ouvi de fado e, consequentemente, um dos melhores de Simone de Oliveira.
Neste álbum está lá tudo. A capacidade vocal de Simone, a mestria na interpretação e a perícia na transmissão de sentimentos em cada nota cantada. A dicção perfeita. E o Fado, esse, está lá todo. Puro, sem artifícios, sentido.

São brilhantes o Fadinho das Iscas, as Pedras Preciosas, Alma Minha Gentil Que Te Partiste... o Fado Vivo é forte, irónico - "Sou mulher embora, embora, homens me queiram castrar porque vivo a toda a hora..."

Os fados que compõem este disco são:
- Fadinhos das Iscas, de Ary dos Santos
- Menor Maior, de Ary dos Santos
- Fado Vivo, de Ary dos Santos
- Demos as Mãos, de Ary dos Santos
- Pedras Preciosas, de Ary dos Santos
- Alma Minha Gentil Que Te Partiste, de Luiz de Camões
- Quadras, de Fernando Pessoa
- Canção, de Cecília Meireles
- Amiga Noiva Irmã, de Florbela Espanca
- Prece, de Miguel Torga
AH FADISTA!!!!!!!!!!!!!!!!!

4 comentários:

DNV disse...

"Simone mulher guitarra" é um trabalho musical faboloso, talvez um dos grandes trabalhos de Simone de Oliveira (a portuguesa - digo isto porque de momento estou no Brasil) e que passou ao lado, e por issomuita gente não conhece. Finalmente este disco podes ser comprado em CD, lave a pena ouvir. Bjs e abraços vindos de São Paulo, Brasil

Luis Esteves le2256@yahoo.com disse...

Simone está quase a completar 50 anos de vida artística.

O seu trajecto na música, no teatro, televisão e cinema são muito diversificados.

Para mim, para além das capacidades vocais que os registo fonográficos nos podem demonstrar, gosto particularmente de chamar a atenção para o nível interpretativo.

Raramente as palavras portuguesas conseguiram ter melhor expressão.
Vidé PINGOS DE CHUVA, À TUA ESPERA, ADEUS (PALAVRAS GASTAS)... Por exemplo.

Já agora e por curiosidade vidé também Yesterday e Que c'est triste Venise...

Inês disse...

Uma grande Senhora. Mais uma fã. É a nossa Simone e basta.

Inês disse...

Mias uma coisa: parabéns pelo blog. Um grande tributo a muitos artistas portugueses.