quinta-feira, agosto 09, 2007

Cartão de Aniversário enviado pela minha Avó.


"Querido Zé:
É nêste super-pimba cartão que te venho enviar um grande beijo de parabéns e os meus votos sinceros de muita saúde, felicidades e de tudo o que a vida tem de bom.
Vai essa notita para lhe dares o rumo que entenderes... e não vais muito longe! - Nós por cá estamos nesta santa monotonia, apropriada para a minha provecta idade e para o temperamento algo idoso do tio João.
Antes de almoço há um agradável encontro no café. Está o Luiz Cesár e o seu "escritório" ou seja, todos os jornais do dia, papeis, esferográficas e... longe da Sôtera e das confusões do Hotel! Aparece a tua mãe, a Conceição (do Luiz Carvalhas), a Guida, etc. À tarde, está calor e ficamos em casa. Leio 3 livros ao mesmo tempo. Levanto-me cêdo e venho ler a Divina Comédia - o Inferno de Dante. É terrível e morro de medo. À tarde, para amenisar, leio as Cartas de Inglaterra do Eça e à noite não dispenso um policial. Assim se vai passando o tempo.
Armados em turistas fomos passar um dia a Viseu para vermos o Museu depois das obras, fomos passar o outro dia a Aveiro para vermos (revermos) o túmulo de Sta. Joana, a Sé, etc, e acabou a excursão a três (o João, eu e o taxista) num bom almoço na Costa Nova. Enfim, vai-se vivendo menos mal!
Que trapalhada de escrita!
Mais um afectuoso beijo da avó muito amiga
Maria Eduarda
Sta. Cruz 9-8-07"

4 comentários:

Luís disse...

FELIZ ANIVERSÀRIO.
Os meus mais sinceros parabéns.

MPR disse...

Parabéns pelos 30...

Anónimo disse...

Caro Daniel, lamentavelmente atrasados, votos de feliz aniversário. Abraços, Paulo e António.

Dulce disse...

Nem falo do meu atraso ... mas será q ainda aceitas Parabéns?
Beijinho